Festival das Artes QuebraJazz

O Festival das Artes QuebraJazz regressou a Coimbra no dia 16 de julho, prolongando-se até ao dia 27 de agosto. Sob o tema “Mitos”, a edição de 2022 contou com um programa cultural diversificado, desde espetáculos musicais, cinema, teatros e exposições a conferências, workshops e gastronomia. 

A 13ª edição do festival uniu as duas margens do rio Mondego e promoveu espetáculos e atividades em diversos locais de interesse cultural e paisagístico da cidade, nomeadamente o Anfiteatro Colina de Camões, na Quinta das Lágrimas, e as Escadas Quebra-Costas. O evento integrou, ainda, dois novos palcos: o  Castelo de Montemor-o-Velho e o Grémio Operário de Coimbra, reconhecidos pelo seu importante contexto histórico.

Com o propósito de divulgar o melhor do jazz português e da música clássica europeia e nacional, esta edição do festival de verão contou com artistas de renome, como Benavent, Di Geraldo e Pardo, os Solistas da Accademia Teatro Alla Scala, a Orquestra Filarmónica Portuguesa, a Orquestra Gulbenkian, Mário Laginha Trio, Catarina Wallenstein, Ricardo Silva, o Sexteto Nelson Cascais, Marta Hugon e o Trio Jeffery Davis. Contudo, o destaque do cartaz de 2022 foi o grupo de gospel americano Black Heritage Choir, que assinalou a sua estreia em Portugal no palco do Anfiteatro Colina de Camões.

No decorrer do festival, a Ideias Concertadas foi responsável por divulgar o evento junto dos órgãos de comunicação social, através de comunicados de imprensa diários, semanais, e mensais, bem como por meio de entrevistas e conferências de imprensa, possibilitando a divulgação do festival nos média tradicionais e digitais. Uma colaboração desafiante, que resultou num projeto verdadeiramente mítico!

Quer saber mais sobre o que podemos fazer por si?